Dicas práticas para aquisição e combinação de acessórios de metal


Acessórios traduzem estilos com mais eficácia do que roupas porque são um diversificador visual, ou seja: são a cereja do bolo.

A maneira de comprar, escolher e combinar acessórios é muito particular a cada personalidade e as escolhas dos metais e das pedras relevam muito sobre a personalidade de quem as usa.

Metais dourados são glamourosos…

Metais prateados são despojados…

Metais escuros e/ou com banho de ródio negro, sofisticados…

Ouro rosé é delicado, feminino e jovial…

Pedras coloridas são divertidas e místicas e pérolas são as preferidas de quem guarda segredos… 

Jóias pequenas estão em alta e são a melhor opção para ser usadas em quantidade, ao estilo ‘tudo junto ao mesmo tempo’.

Este truque permite combinações versáteis, originais e compõe um estilo contemporâneo muito interessante. 

 

Existem opções com as misturas já montadas e prontas para usar.

Misture todos os tipos de banho sem medo: ouro branco + ouro amarelo, ouro branco + ródio negro, ródio negro + ouro rosé, ouro rosé + ouro amarelo… ou todos juntos. O critério para criar a mistura será seu gosto pessoal.

Por meu turno, o que posso dizer, é que quanto mais eclética a mistura, paradoxalmente, mais difícil errar, porque cria um degradê bonito de se ver e que serve tanto para anéis, quanto para colares e brincos.

Uma dica: pedrarias lapidadas combinam mais com metais polidos;  pedrarias mais rústicas combinam mais com couro e metais foscos.

Na hora de comprar, escolha peças de boa qualidade, mesmo que sejam bijuterias. Estas devem durar ao menos um ano inteiro. Observe o acabamento do banho, verifique se não há falhas/descascados/manchas. Rebarbas nos metais podem incomodar e até mesmo machucar.

Boas compras!

Pesquisa de imagens: Pinterest.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.