Explicando a tendência normcore 2


Nos últimos meses o termo normcore esteve onipresente em diversas publicações de moda.

Sejam oriundos das grandes redações ou vindos da blogosfera, os updates a respeito desta tendência tem pipocado por todos os lados.

Mas afinal de contas, o que é o normcore?

Refletindo sobre este tema, me ocorreu fazer uma análise contextual sobre o assunto, que pode ser conferida nas próximas linhas.

A moda é cíclica, sempre que um ciclo é moldado pelo excesso, o próximo será marcado pela compensação (eu já disse isso aqui no blog antes). Pois bem, foi assim nos anos 1990, onde vimos os exageros dos anos 1980 serem depurados para se transformar em um minimalismo elegante. E está sendo assim com o normcore.

O normcore do momento não é exatamente uma novidade, é, na verdade, um upgrade do estilo de vestir das pessoas mais low profile da face da terra, e tem, como um bom exemplo, o falecido criador da Apple, Steve Jobs.

Quem não se recorda dos looks básicos de Jobs ao apresentar as últimas novidades da Apple?

jobsO que ocorre agora é que o normcore em voga se apresenta como uma antimoda, uma espécie de resposta ou protesto comportamental que surge para corrigir e compensar os exageros da moda decorativista e supermontada dos últimos tempos. É um tipo de respiro que muita gente ansiava por.

painel_normcore

Mas como tudo no mundo da moda, até mesmo o que é para ser uma antimoda vira moda, e o normcore, que vira norma, dá sinais de que veio para ficar, principalmente, por ser uma questão social que nos faz pensar sobre a efemeridade e padronização das normas sociais.

O legal agora é ser “normal”.

Ao menos por mais um ciclo.

Principais Formas: alfaiataria reta, recortes bem colocados, formas levemente ajustadas.

imagem2

Os itens-chave nesta tendência são: listras, moletons, malhas, jeans, tecidos de qualidade, gabardine, lã mohair, modelagens simples, alfaiataria reta, t-shirts básicas, tricot, cores sóbrias e tênis.

Cartela de Cores

cartela_normcore

Um adendo antes de sair por aí desfilando o velho novo estilo: é importante observar que, apesar de básico, o normcore prega uma estética onde predomina a escolha de peças com tecido de excelente qualidade e acabamento refinado.

Esse é o momento de levar seus básicos para passear! 😉

Pesquisa de imagens: internet.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 pensamentos em “Explicando a tendência normcore